jantar-nelida-040
A de costas é a Leonor Xavier.

A Lívia juntava “todos” na sua casa. Na “A noite das Mulheres Cantoras”. Vale tudo ou quem canta MELHOR? No livro de Lídia Jorge, há uma pergunta que o percorre da primeira à última página: quantas vítimas se deixam pelo caminho para se perseguir um objectivo? A acção decorre no final dos anos 80 do século XX e invoca um tema de inesperada audácia – o da força da idolatria e a construção do êxito – visto a partir do interior de um grupo, narrado 21 anos mais tarde, na forma de um monólogo.

Volta depressa. Fazes falta.

Advertisements